Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eu e a Outra

Coisas maravilhosas, coisas assustadoras, viagens exóticas, dia-a-dia monótono, bichinhos tropicais e muito amor. Ponham-se confortáveis que vamos começar.

Eu e a Outra

Coisas maravilhosas, coisas assustadoras, viagens exóticas, dia-a-dia monótono, bichinhos tropicais e muito amor. Ponham-se confortáveis que vamos começar.

Finalmente.

22.02.18, Eu e a Outra

Finalmente entreguei a tese, todas as suas 285 páginas. 

 

É uma sensação muito estranha, quase surreal. É um mistura de alívio com medo profundo. No momento em que a entreguei senti que levei um murro no estômago. Não sabia se ria, se chorava. Continuei a andar e a respirar fundo, até que passou.

Fui trabalhar o resto do dia. À noite assolou-me um cansaço enorme, mas foi cansaço pacífico, daqueles que nos fazem adormecer em qualquer canto e dormir profundamente.

 

Todos me dão os parabéns e eu só consigo pensar que ainda não está. Eu só entreguei o livro, falta que o leiam, que o critiquem, que mo façam discutir. Agora restam-me 64 dias até à defesa da mesma e já mal consigo esperar. Aí sim, vou-me sentir doutora.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.