Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eu e a Outra

Coisas maravilhosas, coisas assustadoras, viagens exóticas, dia-a-dia monótono, bichinhos tropicais e muito amor. Ponham-se confortáveis que vamos começar.

Eu e a Outra

Coisas maravilhosas, coisas assustadoras, viagens exóticas, dia-a-dia monótono, bichinhos tropicais e muito amor. Ponham-se confortáveis que vamos começar.

Foi a minha primeira aula

05.04.19, Eu e a Outra
Esta semana dei a minha primeira aula completa a convite da minha chefe. A audiência foram maioritariamente estudantes do primeiro ano de doutoramento, uma aluna de mestrado de Engenharia Biológica e outra de licenciatura em Biologia.   A minha chefe leccionou primeiro, logo à primeira hora da manhã. Depois foi a minha vez. No fim destas duas horas, fizemos a primeira parte de um exercício de pensamento crítico. De tarde, continuamos esse exercício em modo de workshop, com a (...)

Ainda me chamam menina

14.12.18, Eu e a Outra
Hoje recebi um email de uma editora muito respeitável a dizer que gostariam que eu e o meu chefe enviássemos o nosso último artigo para publicação num jornal deles. O senhor achou por bem endereçar-me como Miss e ao meu chefe como Dr.   Gostava que o senhor editor me explicasse por que raio assumiu que eu sou Miss e não Doctor, mas que o segundo autor é Doctor e não Mr.   No mundo da ciência, quando não se sabe assume-se doutor porque a maioria dos primeiros autores dos (...)

Finalmente.

22.02.18, Eu e a Outra
Finalmente entreguei a tese, todas as suas 285 páginas.    É uma sensação muito estranha, quase surreal. É um mistura de alívio com medo profundo. No momento em que a entreguei senti que levei um murro no estômago. Não sabia se ria, se chorava. Continuei a andar e a respirar fundo, até que passou. Fui trabalhar o resto do dia. À noite assolou-me um cansaço enorme, mas foi cansaço pacífico, daqueles que nos fazem adormecer em qualquer canto e dormir profundamente.