Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Eu e a Outra

Coisas maravilhosas, coisas assustadoras, viagens exóticas, dia-a-dia monótono, bichinhos tropicais e muito amor. Ponham-se confortáveis que vamos começar.

Eu e a Outra

Coisas maravilhosas, coisas assustadoras, viagens exóticas, dia-a-dia monótono, bichinhos tropicais e muito amor. Ponham-se confortáveis que vamos começar.

Voltei a conduzir

09.12.18, Eu e a Outra

Quando aprendi a conduzir, tive logo muita confiança. Gostava e sentia-me completamente à vontade. Depois de muitos anos a conduzir muito esporadicamente, quando regressei a Portugal sentia-me com muito receio de conduzir em Lisboa. 

 

[trânsito, estradas desconhecidas, entradas e saídas coladas, pessoas parvas que acham que por terem dado o pisca ganham prioridade, pessoas ainda mais parvas que nem sequer os usam, uma alegria de alucinados na estrada]

 

Entretanto, atirei-me aos lobos na capital. Nas primeiras duas ou três vezes subiu-me a temperatura, mas a confiança foi crescendo e já me sinto capaz outra vez. 

 

É normal ter medo, mas não o podemos deixar vencer. Convenço-me que se tivermos medo, mas fizermos na mesma, provavelmente ele vai desaparecendo. 

 

Isso e ter um GPS no carro. Bendito GPS.